SHARE

Por Eliana Campos

No ano passado, com meus 60 anos recém-completos, decidi que era hora de começar a explorar o mundo e viver o meu sonho. E minha filha, e autora do Contos da Mochila, teve a ideia de criar o projeto Travel 60+ aqui no blog. Os dois objetivos principais do projeto sempre foram #1 guardar as minhas lembranças e #2 incentivar outras pessoas da minha idade a viajarem pelo Brasil e pelo mundo.

Quinze dias na Europa geraram alguns posts que eu adorei escrever como esse em que eu conto como venci meus principais medos e esse, em que a gente dá dicas de bagagem para viajantes com mais de 60 anos.

Mas, pra minha surpresa, recentemente fomos chamadas para conhecer o San Raphael Country Hotel em Itu. A proposta era passar três dias no hotel e depois contar minha experiência aqui para os meus leitores. Dizer o que eu achei do San Raphael como um hotel para terceira idade.

Nem preciso dizer que fiquei feliz, certo?  E também fiquei bastante lisonjeada pelo reconhecimento do nosso trabalho no blog.

Convite feito é convite aceito. E agora, chegou a hora de contar o que eu achei pra vocês. Vem comigo?

O San Raphael é um hotel fazenda daqueles bem tradicionais na arquitetura e na decoração, tudo bem ao estilo colonial.

Hotel para terceira idade
Decoração em estilo colonial

#1 Localização San Raphael Country Hotel

O San Raphael Country Hotel (tudo bem se eu o chamar apenas de San Raphael a partir de gora, certo?) fica no interior de São Paulo, em Itu, uma cidade beeem pertinho da minha, e também muito perto de São Paulo. Para os paulistanos, nada que uma horinha de carro pela Rodovia Castelo Branco não resolva. Para os portofelicenses da minha terra, 25 minutos e nada mais.

O hotel fica na Avenida Tiradentes, uma avenida de acesso fácil, onde fica também a famosa boate Anzu.

#2 Estrutura do hotel

São 84 apartamentos dentro dos 84.000 metros² do hotel, ou seja, uma média de 1000 metros² para cada apartamento. É muito conforto, não é mesmo? Rs. O estacionamento também é grande e fica bem perto da recepção.

O wifi está distribuído no hotel inteiro e funciona bem. Conseguimos fazer muitos snapchats e postar várias fotos no Instagram sem nenhum problema, embora a necessidade de refazer o login tenha sido constante.

Rodeado de muito verde, como não podia deixar de ser, há muitas árvores e flores para todos os lados.

Hotel para terceira idade
Muito verde por todo o hotel

Como o próprio hotel se intitula, o San Raphael é um hotel de família e, por isso, eles investiram também no conforto para as mamães: uma baby copa com utensílios de cozinha e o baby room com brinquedos para bebês e crianças pequenas são um diferencial.

Hotel para terceira idade
Baby copa, espaço e piscina infantil

Como já falei, a arquitetura colonial é super bonita e até bem fiel ao que a gente vê em fotos antigas da família; no meu caso, ao que me lembro da infância. No térreo, uma das minhas partes preferidas: as varandas enormes com sofás e poltronas, onde minha filha e eu descansamos e desfrutamos de muita tranquilidade e calma, rodeadas de verde. Ficamos horas conversando ali naquelas varandas. Tudo muito bem cuidado e limpo.

Hotel para terceira idade
Várias varandas como essa espalhadas pelo hotel (para nosso deleite, rs).

#3 Opções de lazer

Começando pelas piscinas. No hotel há três piscinas: a piscina central, que é bem grande, e duas menores, que são climatizadas, o que eu considero ótimo em um hotel para terceira idade. Uma delas é infantil e a outra, adulta com rede de vôlei e cesta de basquete, pra quem quiser brincar um pouquinho.

Hotel para terceira idade
Piscina climatizada com rede de vôlei e cesta de basquete.

Na piscina central, há um bar que serve petiscos à vontade durante o final de semana e só durante o final de semana. Como nossa estadia foi entre quarta e sábado, e no sábado houve um evento fechado perto do bar, nós não provamos os tais petiscos, mas dizem ser muito bons.

Nós desfrutamos da piscina aquecida, da sauna à vapor, da academia (que é pequena, mas com equipamentos novos) e fizemos caminhadas ao redor do hotel. A área para caminhadas não é muito grande, mas é tranquila e ajuda a relaxar. Para quem gosta de cavalos, é possível também fazer passeios de pônei e cavalo.

Hotel para terceira idade
Academia no San Raphael

A infraestrutura para prática de esportes é também um ponto forte do San Raphael. São quatro quadras de tênis, um campo de futebol de salão. O salão de jogos e a sauna úmida completam as opções de lazer.

Hotel para terceira idade
Relaxando e brincando por ali…

Durante o final de semana, e já começando pela sexta à noite, nós vimos uma equipe de recreação dedicada às crianças. Há até um calendário espalhado pelo hotel com a programação. Dá pra levar os netinhos tranquilamente.

Senti falta de uma piscina coberta para os dias de chuva (pegamos dois) e algum tipo de atividade voltada as pessoas com minha idade, o que não desmerece o San Raphael como um bom hotel para terceira idade, só o deixaria mais convidativo ainda. No período que ficamos, não tínhamos o que fazer após o jantar, mas eles nos disseram que de sábado à noite tem música ao vivo e American Bar.

Hotel para terceira idade
Namoradeiras na piscina climatizada

Uma observação importante: o pessoal nos disse que normalmente há algumas atividades como hidroginástica durante o final de semana, mas elas não aconteceram no sábado que estivemos lá e não consigo dizer se elas são bacanas. Talvez, elas ocorram durante a alta temporada, por isso, vale a checagem prévia.

#4 Acomodação

Os quartos são espaçosos e confortáveis. Pelo que o Fábio (um funcionário muito simpático que nos explicou tudo sobre o hotel) nos disse, há três tipos de acomodação: apartamento padrão para duas ou três pessoas, apartamento padrão para família e suíte especial e mais luxuosa apenas para casais.

Hotel para terceira idade
Quarto muito confortável

Nosso apartamento era o 410, um apartamento para família, de frente para a piscina e com vista para um jardim lindo e florido. As duas camas de casal proporcionaram um conforto extra na hora de dormir. Por conta dos problemas de coluna que tenho (e que são bem comuns na minha idade) acabo sendo sempre um pouco chatinha com cama e travesseiro de hotel e, por isso, posso dizer sem medo: tanto a cama quanto os travesseiros eram muito bons.

O banheiro tem um tamanho ótimo e a ducha… Ah, a ducha… Relaxante e quentinha, do jeito que eu gosto.

Os quartos também têm frigobar, tv por assinatura, uma mesinha de apoio e um guarda-roupa, mas não têm cofre. A iluminação é indireta, apenas por abajours e uma cortina blackout cobre a janela e deixa o quarto bem escurinho.

Hotel para terceira idade
Suite com duas camas de casal.

Uma questão importante que quero alertar aos mais seniors. O hotel tem três pavimentos ligados por um elevador. No entanto, em dias de chuva os funcionários pedem para não usarmos o elevador, ou seja, pessoas mais idosas, ou com dificuldade de locomoção, podem ter problemas para chegar aos quartos. Aconselho pedirem pelo andar térreo.

# 5 Comida

É sempre difícil eu não ficar satisfeita com comida boa, gosto de praticamente tudo… ou quase tudo, rs.

Hotel para terceira idade
Restaurante

O café da amanhã é farto de pãezinhos, croissants e frutas (o mamão estava uma delícia), mas senti falta de um pouco mais de variedade nas opções quentes. Sucos, frios e bolos complementam o buffet.

Hotel para terceira idade
Café da manhã no San Raphael
Hotel para terceira idade
Salmão com molho de maracujá no jantar

Faço a mesma observação para o buffet do almoço e do jantar: o sabor e a qualidade da comida estavam muito bons, mas a variedade de pratos quentes é pequena, principalmente as opções de carnes. Já as saladas, que são um ponto importante na alimentação das pessoas com minha idade, eram fartas.

A mesa de sobremesa era muito boa também. Algumas opções típicas da fazenda como arroz doce, cocada, manjar, mas também bolo, gelatina, pudim e frutas. Também notei duas opções de doces diet.

Hotel para terceira idade
Almoço e jantar em esquema buffet, coma ã vontade!

Pode-se servir e comer à vontade, mas as bebidas são pagas à parte. Confesso que nos assustamos com o valor: 10,00 por uma lata de cerveja e 7,00 por uma latinha de refrigerante.

Os principais itens que senti falta foram: arroz integral, torta/quiche e alguma opção mais elaborada para os vegetarianos.

#6 O que levar?

Pra fazer a mala, a primeira coisa é consultar a previsão do tempo, que nos dizia que iria chover. Na mala, fora os itens pessoais que cada um gosta de levar, coloquei algumas peças de meia-estação, meu habitual xale (meu companheiro de todas as horas… não consigo mais sair sem ele) e um tênis para caminhadas.

Um bom livro é pra mim indispensável, com chuva ou sem chuva. Para afinar o cérebro, gosto de levar também revistinhas de palavras cruzadas. Na necessaire, não podem faltar os remédios do dia-a-dia, o protetor solar e o mais importante no momento, o repelente.

É um hotel para terceira idade?

Foi uma experiência muito agradável, pois o San Raphael é um lugar onde você pode realmente relaxar, se é o que procura. Considero um bom hotel para terceira idade, pelo conforto e pela tranquilidade. Certamente voltaria outra vez para poder saborear o chá da tarde (também servido apenas aos finais de semana) que segundo me contaram é de tirar qualquer um da dieta.

Ah! O hotel está com pacotes especiais para pessoas com mais de 60 anos. Dá uma ligadinha lá pra eles pra conferir!

Hotel para terceira idade
Conseguimos descansar muito em três dias no San Raphael

Se estiver procurando um bom hotel para passar dias de paz, o San Raphael é sim uma alternativa muito boa, mesmo pra quem quer conhecer a cidade de Itu. Você já deve ter ouvido falar dela. Itu, a cidade dos exageros!

Informações práticas

  • San Raphael Country Hotel
  • Avenida Tiradentes, 2223, Itu, São Paulo
  • Telefone: (11) 4813-8877

Minha filha e eu estivemos no San Raphael a convite da hotel. Minha opinião é real e baseada exclusivamente na minha experiência durante três dias de hospedagem. 

 

 

 

9 COMMENTS

  1. Esse hotel é ótimo e o melhor, pertinho de Sampa! Fiquei nele ano passado e foi um fim de semana de descanso e muita comilança! rsrs
    Tô adorando essas suas viagens com sua mãe. Também amo viajar com a minha!

LEAVE A REPLY