Restaurantes SP. Os nossos queridinhos (com mapa no final).

Restaurantes SP. Os nossos queridinhos (com mapa no final).

10
SHARE

Uma das coisas mais incríveis e lindas que São Paulo tem é a diversidade culinária. E, para além da diversidade, a qualidade e a quantidade. Não tenho a menor dúvida de que São Paulo nos fisgou primeiramente pelo estômago.

Sabe aquela história de quanto mais opções existem, mais confusas as pessoas ficam? Somos nós. Sempre é a mesma história: onde vamos comer hoje? Meus amigos até já sabem que eu prefiro não sugerir os restaurantes ou botecos da vez. Gosto mesmo é de conhecer um lugar novo.

Mas então o que significa esse post? Por que eu estou criando uma lista dos restaurantes sp que nós mais gostamos? Porque eles são lindos, deliciosos e nos fazem tão gastronomicamente feliz que queremos compartilhar com todo mundo. Foi super, super difícil, mas eu consegui.

A lista dos restaurantes SP não está necessariamente em ordem de preferência, mas é difícil negar que os dois primeiros são os mais queridos. E pessoal, por favor, complementem esta lista. Eu ainda gosto mais de receber sugestões do que de sugerir.

Mocotó Restaurante

Queridinho do nosso coração. Paixão à primeira garfada. Esse é o título do Mocotó.

Comida nordestina e nortista de primeiríssima qualidade. Só de lembrar, dá água na boca. Como se isso não fosse suficiente, o Mocotó ainda tem um preço muito justo, um chefe de cozinha super simpático (e ganhador de muitos prêmios) que vai conversar com os clientes nas mesas, um ambiente acolhedor, simples, e uma diversidade linda de pessoas. Por conta do valor acessível, pessoas de classes sociais bem diferentes se misturam no salão.

O restaurante abre às 12h, mas chegue cedo, bem cedo se não quiser esperar na fila por 2 horas. As pessoas começam a chegar a partir das 11h; aos domingos, 10h30. Pra espera não ficar tão massacrante (ela piora porque o sol fica bem de frente pra quem está esperando), há bancos e mesas na calçada. Quem quiser, pode começar a comilança lá fora mesmo.

Recomendamos muito fortemente os dadinhos de tapioca com molho de pimenta doce e queijo coalho com melado de cana como aperitivos e a peixadinha de São Francisco e o escondidinho de carne-seca como pratos principais.

Mas há dúvidas de que tudo, tudo daquele cardápio é uma excelente escolha.

Endereço: Av Nossa Senhora do Loreto, 1100 (Jardim Brasil/Tucuruvi)

Mocotó - Dadinhos de tapioca com molho agridoce. Foto: www.mocoto.com.br
Mocotó – Dadinhos de tapioca com molho agridoce. Foto: www.mocoto.com.br

Pizzaria Bendita Hora

Quando nós morávamos no bairro de Perdizes, morávamos literalmente ao lado desta pizzaria deliciosa e super charmosa.

Massa fininha e crocante, molho de tomate bem temperado, recheio na medida, ambiente rústico à luz de velas, garçons simpáticos e eficientes e preço não muito exorbitante (embora seja caro) fazem da Bendita Hora nosso lugar preferido pra comer pizza no mundo (rsrs).

A pizza mais famosa é de abobrinha, que realmente é incrível, e uma das nossas preferidas, junto com a calábria (de calabresa) e quatro queijos. O pão de calabresa, como aperitivo, também é delicioso, mas com preço mais salgadinho.

São duas unidades, essa em Perdizes e uma em Alphaville. As duas são muito concorridas, principalmente aos finais de semana. Quem chegar até às 19h30 não deve ter problemas para entrar. Depois desse horário, vai esperar um pouco sim.

Endereços

1) Rua Vanderlei, 795 (Perdizes)

2) Av Copacabana, 561 (Alphaville)

Bendita Hora
Pizza de abobrinha. Foto: http://basilico.uol.com.br/1283-artigos-BENDITA-HORA

Pita Bar e Kebab

Essa é nossa dica árabe. Conhecemos o Pita assim que chegamos a São Paulo e adoramos logo de cara. A comida excelente, o ambiente descontraído e charmoso e os preços super justos fisgaram nosso estômago e nosso bolso. Nas mesas, uma galera descolada, de várias tribos, que quer comer uma comida gostosa e leve e tomar uma cerveja bem gelada.

Na entrada do bar, tem umas mesinhas mais altas no corredor, mas o gostoso mesmo é ficar no fundo, no quintal, é  mais animado. O kebab de cordeiro e de kafta, com molhinho árabe são nossos preferidos. Ah! E quem não come carne também tem vez no Pita Kebab, eles têm algumas opções vegetarianas, como kebab de couve-flor, falafel ou abobrinha. Os kebabs são deliciosos, assim como o hommus e o tabule.

Endereço: Rua Francisco Leitão, 282 (Pinheiros)

Pita Bar. Foto: http://www.destemperados.com.br/experiencias/em-casa-no-pita-kebab
Pita Bar. Foto: http://www.destemperados.com.br/experiencias/em-casa-no-pita-kebab

FrangÓ Bar

Quem olha de fora, pode não dar nada para essa casa com três grandes janelas e uma porta alta e estreita. Uns passinhos pra dentro e tudo muda completamente: decoração carregada de pôsters, quadros e propagandas nas paredes, garrafas das mais variadas marcas de cerveja nos balcões e um cheiro apetitoso de frango assado e logo você  se convence de que esse não é um bar qualquer. Especializado em frangos e dono de uma carta enorme de cerveja, o FrangÓ é também dono de umas das coxinhas de frango com catupiry mais gostosas que já comemos.

Divertido, informal, é um lugar perfeito para happy hour depois do trabalho. Os garçons são muito simpáticos e o atendimento é ótimo. Além da porção de mini coxinhas, o Frangão, prato com frango assado com polenta, arroz e farofa, é o carro-chefe da casa e serve super bem servido até três pessoas. O frango é macio e super bem temperado. As friturinhas sempre vêm quentinhas e crocantes. E o feijão… Nossa, que tempero é esse do feijão.

Endereço: Largo da Matriz Nossa Senhora do Ó, 168 (Freguesia do Ó)

Frangó Bar. Créditos: http://umenmodamasculina.blogspot.com.br/2013/03/dica-umen-frango-bar.html
Frangó Bar. Foto: http://umenmodamasculina.blogspot.com.br/2013/03/dica-umen-frango-bar.html

Tea Connection

Casa de chás gourmet argentina, é a caçulinha da família. Conhecemos a cada recentemente e já voltamos pra lá três vezes. Segundo os proprietários, a proposta da casa é tornar o hábito de tomar chá uma atividade mais descontraída. A decoração é linda e estilosa e os sofás e cadeiras são muito confortáveis. E o ambiente é acolhedor e alegre.

A diversidade de chás é bem grande e os que nós já provamos eram bem gostosos, mas a comida é o ponto alto. Com produtos orgânicos, frescos e naturais, eles sevem saladas, sanduíches, sopas e alguns pratos mais elaborados. A combinação de ingredientes é bem criativa, o que leva a sabores surpreendentes. Eles também gostam de utilizar ingredientes da estação e, por isso, o cardápio é sazonal.

Endereços

1) Alameda Lorena, 1271(Jardins)

2) Rua João Cachoeira, 361 (Itaim Bibi)

Tea Connection. Foto: https://tanacozinha.wordpress.com
Tea Connection. Foto: https://tanacozinha.wordpress.com

Lanchonete da Cidade

Lanchonete cool, com decoração retrô, ambiente descontraído que te ajuda a aliviar a culpa de comer um super burguer com milk shake. Jovens, amigos de trabalho e, no final de semana, casais apaixonados são o principal público da Lanchonete.

Os hambúrgueres são macios e super bem temperados. Nossos lanches preferidos são Lambreta, Piu Piu e Tropicália. Mas há também opções mais criativas como Moraes (alho frito, tomate caqui e agrião), algumas vegetarianas, além de cachorro quente, lanches naturais e algumas refeições. A porção de batatas rústicas com maioneses é uma delícia e, pra quem gosta de doce como eu, tem que provar o milk shake de doce de leite. Se puder, peça o lanche no pão francês redondo.

Não é um lugar dos mais baratos, mas a qualidade é ótima!

Endereços

São cinco unidades: Jardins, Shopping Higienópolis, Shopping Cidade Jardim, Pinheiros e Moema.

Lanchonete da Cidade. Foto: http://www.comerbeberetal.com.br/2012/lanchonete-da-cidade-com-fotos/
Lanchonete da Cidade. Foto: http://www.comerbeberetal.com.br/2012/lanchonete-da-cidade-com-fotos/

Bônus

Dois lugarzinhos delícias, de comida e atendimento simples e muito amistosos: Santo Espeto no Jaguaré e Manjericão na Vila Madalena.

O Santo Espeto Bar

Uma pequena casa que serve espetos feitos na hora, quentinhos e de muita qualidade. Nos deliciamos com o espeto de pão de alho com queijo, batata bolinha com catupiry, linguiça toscaninha, kafta e morango com chocolate, este de morando é imperdível.

É um bar bem familiar, com cadeiras e mesas de plástico e um telão com clipes musicais. O ponto fraco é o tempo de espera, tenha paciência porque compensa.

Endereço: Av Presidente Altino, 159 (Jaguaré)

Restaurante Manjericão  

Ele foi a descoberta de 2014. Comida caseira, saborosíssima e bastante variada. A grande maior parte dos clientes passa pra pegar e levar pra casa. Ainda assim, há uma meia dúzia de mesinhas pra quem, como eu, gosta de comer lá. O preço é tabelado por tipo de prato e dentro desse “tipo” (massa, vegetariano, com carne ou salmão) você pode escolher, dentre as opções disponíveis no dia, como quer montar o seu prato. O cardápio varia dia a dia.

É um restaurante muito concorrido. Nos dias de semana, as opções começam a acabar perto das 13h30 e no final de semana, dificilmente você vai achar muita coisa a partir das 13h.

Endereço: Rua Nazaré Paulista, 234 (Vila Madalena)

 

Sei que gosto não se discuti, mas o que você achou? Já conhece algum desses lugares? Quais seus bares/restaurantes preferidos? Contra pra gente! 😉

Você também pode ler mais dicas e textos inspiradores de viagens, seguindo Contos da Mochila nas redes socias.

Facebook, Twitter, Instagram e Flipboard. Snapchat: contosdamochila

Obrigada por ler! <3

10 COMMENTS

  1. É sempre bom ter indicações para comer em São Paulo, este seu post tende a ficar infinito, kkk.
    Não tenho ido muito para SP ultimamente, mas se você gosta, fui no Suri Cevicheria uma vez e adorei. Fica em Pinheiros.

    • Olá Gabi, esse post é bem do tipo “ao infinito e além”, hehe. Não conheço o Suri Cevicheria, mas já está na minha lista. Se eu gostar, vou incluir no post e te dar os créditos!!! Beijos

  2. O que mais amo de Sampa é que sempre tem restaurantes novos incríveis e desconhecidos! Eu só conheço o Mocotó e a Lanchonete da Cidade, mas to com fome e quero ir nos outros! ahaha
    Beijos

  3. Pam, tô chocada! Não sei nada de Sampa! hahahah Não conheço nenhum, mas já ouvi falar do Manjericão. Na minha próxima ida, vou ter que experimentar as suas dicas! Thanks

    • Deni, venha sim e experimente todos, hehehe. Legal que você já ouviu falar do Manjericão. Ele é tão pequeno e fica em uma área tão residencial que pouca gente conhece, mas o sabor daquela comidinha caseira e o atendimento familiar são tudo de bom! Bjs

LEAVE A REPLY